sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

31/1 - RodapéNews - 31/01/2014


De: Paulo Dantas 


RodapéNews - 31/01/2014, sexta-feira

(informações de rodapé e outras que talvez você não tenha visto)


PREFEITURA DE SÃO PAULO ESTAVA SOB DOMÍNIO DE MÁFIAS 

PREFEITO HADDAD DIZ QUE É INTRANSIGENTE COM A CORRUPÇÃO, INDEPENDENTE DE QUEM A TENHA PRATICADO

RESPOSTAS ÁS PERGUNTAS 1, 2 E 3
Blog do Kennedy - Programa "10 Perguntas" - 31/10/2014
Vídeo: Prefeitura estava ‘tomada por corrupção’, diz Haddad
Ao “10 Perguntas”, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, diz que “a máquina pública [da capital paulistana] estava tomada por esquemas de corrupção”. Ele fez a afirmação ao responder à pergunta 2, que questionava se ele havia comprado brigas com muitos setores ao mesmo tempo e se isso era responsável pela baixa avaliação do seu governo nas pesquisas. “Não gostaria de passar meus quatro anos sendo mais um prefeito.” Afirma que comprou mais brigas quando era ministro da Educação. Na pergunta 1, diz que sua prioridade é governar “para quem mais precisa do serviço público” e que São Paulo vive uma “crise financeira há 20 anos”, o que a deixa sem capacidade de investir o necessário para atender demandas. Na pergunta 3, nega que a presidente Dilma Rousseff ou o ex-presidente Lula tenham feito pressão para ele suavizar eventual investigação de corrupção da administração anterior, de Gilberto Kassab (PSD), aliado do PT no plano federal.
·   Pergunta 1 – ‘SP vive crise financeira há 20 anos’
·   Pergunta 2 – As batalhas de Haddad
·   Pergunta 3 – Kassab, Dilma e Lula

RESPOSTAS ÀS PERGUNTAS 4, 5 E 6
Blog do Kennedy
SP não vai reajustar tarifa de ônibus em 2014
Prefeito diz que ano eleitoral dá chance de aprovar financiamento para transporte público
·   Pergunta 4 – Não haverá reajuste de tarifa de ônibus em 2014
·   Pergunta 5 – Dívida da Prefeitura de SP
·   Pergunta 6 - Operação Braços Abertos

RESPOSTAS ÁS PERGUNTAS 7, 8, 9 E 10
Blog do Kennedy
‘É tarefa do PT, na eleição, criticar Alckmin’
Prefeito diz que não cabe a ele confrontar governador, como deseja seu partido
Ao “10 Perguntas”, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, responde à crítica do PT de que ele tem proximidade excessiva com o governador Geraldo Alckmin (PSDB-SP) e de que deveria se afastar do tucano. Segundo ele, a tarefa de criticar não cabe a ele, prefeito, mas ao PT e ao candidato do partido, Alexandre Padilha. Também diz que o momento propício de criticar o governador será no horário eleitoral, na reta final da eleição. Na questão 9, Haddad declara que o PT “não fez oposição muito vigorosa ao governo Kassab”, mas, na campanha em que ele foi candidato, teve a capacidade de “marcar diferenças”. Como administradores, Haddad diz que ele e Alckmin têm de se entender “para o bem da população”. Se houver briga, diz, “o mais pobre é que vai pagar a conta”. Na pergunta 8, conta que sabia que haveria desgaste com a decisão de priorizar o transporte público, com criação de mais faixas exclusivas. “Não há alternativa a isso.” Na questão 7, avalia que as polícias do país precisam mudar para lidar com os protestos. “Nós não temos forças de segurança preparadas para a nova realidade.” Na questão 10, fala das marcas do seu governo e da gestão Dilma. Sobre o governo federal, diz ser difícil separar as administrações Lula e Dilma. A respeito do seu primeiro ano como prefeito, destaca reforma educacional, medidas na área da saúde e de transporte e a operação “Braços Abertos”.
·   Pergunta 7 – Polícia e repressão a protestos
·   Pergunta 8 – Transporte público em SP
·   Pergunta 9 – Resposta à pressão do PT para se afastar de Alckmin
·   Pergunta 10 – Marcas dos governos Haddad e Dilma

FRAUDES DA "MÁFIA DO IPTU" PODEM SER BILIONÁRIAS, ALERTA MP
G1 / Bom Dia, SP - 31/01/2014
Fiscais da máfia do ISS também fraudaram IPTU, diz Ministério Público (MP)
Advogado do fiscal Luís Magalhães nega que ele tenha fiscalizado IPTU.
Segundo MP, provas foram encontradas na casa do auditor

Folha
Fraude no IPTU de SP envolve ao menos 84 empresas, diz Promotoria
O Ministério Público de São Paulo afirma que ao menos 84 grandes empreendimentos da cidade de São Paulo conseguiram reduzir o valor do IPTU mediante pagamento de propina a auditores fiscais –os menos envolvidos na chamada Máfia do ISS. Segundo a Promotoria, uma investigação foi aberta para apurar a fraude.
A fraude, segundo a Promotoria, ocorria desde 2009 e deve ser muito maior, já que apenas essas 84 empresas foram avaliadas, de forma aleatória, e todas tiveram o imposto reduzido de forma suspeita

INSPEÇÃO VEICULAR, OUTRO ANTRO DE CORRUPÇÃO NA CIDADE DE SÃO PAULO, ACABA HOJE

DIANTE DE VÁRIAS IRREGULARIDADES, PREFEITO HADDAD CANCELA CONTRATO COM A CONTROLAR
TM
Controlar anuncia fim das atividades em SP e diz que deixa 70 mil veículos irregulares na cidade
O contrato de prestação de serviço por 15 anos entre a Prefeitura de São Paulo e a Controlar venceu em 2006, segundo o prefeito Fernando Haddad, mas mesmo assim foi mantido pela administração de Kassab, sem nova licitação. 
Ao assumir a prefeitura, Haddad resolveu cancelar o contrato com a Controlar e abrir novo processo licitatório.
Um dos argumentos que pesou na decisão da prefeitura é a acusação de fraude na integralização das ações da Controlar, que foi alvo de ação do Ministério Público de São Paulo

CARRO SEM VISTORIA PODERÁ SER LICENCIADO, GARANTE PREFEITURA
G1
Veja mudanças na inspeção veicular e o que ocorre com quem não fez
Prefeitura de São Paulo diz que todos os carros serão licenciados.
Quem não realizou vistoria em 2013 terá prazo para se regularizar

SPTV - 31/01/2014
Vídeo: Inspeção veicular fica suspensa em São Paulo até a escolha de novas empresas

TROFÉU "REI DA MALANDRAGEM" VAI PARA "ALCKMIN DAS TAXINHAS"

MÍDIA CALADA DIANTE DESTE ASSALTO INDOLOR - NO MÍNIMO, R$ 354 MILHÕES POR ANO - FEITO PELO GOVERNADOR DE SP, GERALDO ALCKMIN (PSDB), NOS BOLSOS DOS CONTRIBUINTES PAULISTAS
Viomundo
Antônio de Souza: Mídia se cala sobre as 27 novas taxas de Alckmin
A partir de 27 de março, os paulistas começam a pagar 27 novas taxas, além do aumento em até 116% dos tributos cobrados pelo Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP), como o emplacamento de veículos.
Entra em vigor a lei 15.266, sancionada pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) e publicada no Diário Oficial do Estado de São Paulo em 27 de dezembro de 2013, que “dispõe sobre o tratamento tributário relativo às taxas no âmbito do Poder Executivo Estadual”.
A elevação de, pelo menos, R$ 354 milhões por ano  (aumento projetado das taxas de segurança pública e do Detran) penaliza o cidadão paulista e se mostra abusiva, visto que as taxas já são atualizadas anualmente pelo IPC da Fipe e tiveram crescimento expressivo, chegando em alguns casos  a 116%.
Com esses aumentos exagerados de taxas e a criação de outras 27, o governador Alckmin, a partir de 27 de março, poderá ser chamado Geraldo das Taxinhas.
Detalhe: a grande imprensa, que deu manchetes contra o aumento do IPTU na cidade de São Paulo, praticamente está calada em relação ao aumento das taxas dos tucanos, que prejudica todo o povo paulista

CARTEL DE CORRUPÇÃO E MÁFIA TUCANA DOS TRENS EM SP

SUSPENSÃO DE CONTRATOS SUPERFATURADOS É DECORRENTE DE INVESTIGAÇÃO DO  MP COM BASE EM REPRESENTAÇÃO DO DEPUTADO ESTADUAL LICENCIADO SIMÃO PEDRO (PT-SP)
G1 / SPTV - 31/01/2014
Vídeo e texto: Metrô suspende contratos de reforma de trens que são alvos de investigação
Suspensão dos contratos é por 90 dias, segundo a empresa.
Ministério Público começou a investigá-los em dezembro do ano passado

EX-DIRETOR DA CPTM NÃO EXPLICA PROPINA
Estadão - 31/01/2014 (via SãoPauloTremJeito)
Ex-diretor da CPTM diz não se recordar de quem recebeu US$ 550 mil

HOUVE FURTOS DE CABOS EM REDE DA CPTM?
R7 (Via SãoPauloTremJeito)
Furtos de cabos, de acordo com CPTM, prejudica circulação de trens na linha 7-Rubi
Questionamento do blog: Será mesmo que ocorreu furto de cabos? Como a CPTM é marcada por explicações escapistas (ferroviários, vândalos, sabotadores, usuários, etc.), nunca dá para acreditar muito em suas declarações

TUMULTO NA LINHA ITAQUERA-BARRA FUNDA DO METRÔ
SPTV - 31/01/2014
Paralisação na Linha 3 - Vermelha do Metrô causa tumulto nesta sexta-feira (31)

TENTATIVA INFRUTÍFERA DE ESCONDER OS CARTÉIS
Blog do Zé
PSDB vai sendo derrotado nas tentativas de esconder os cartéis
Em duas decisões tomadas nesta 4ª feira (ontem), os tucanos paulistas foram derrotados de ponta a ponta em suas tentativas de encobrir investigações do cartel do trensalão, montado na área dos transportes públicos, que operou por 10 anos (1998-2008) nos governos de Mário Covas, Geraldo Alckmin e José Serra – todos do PSDB – e pode ter movimentado, entre contratos superfaturados, aditivos, e pagamento de propina, R$ 1 bi

ECONOMIA

PORTO EM CUBA: ALÉM DO INTERESSE ESTRATÉGICO, SUA CONSTRUÇÃO É IMPORTANTE PARA INSERÇÃO DO BRASIL NA AMÉRICA CENTRAL, AFIRMA DIRETOR DA FIESP
Record News
Thomaz Zanotto, diretor da Fiesp, avalia importância do porto em Cuba para economia brasileira - Entrevista ao jornalista Heródoto Barbeiro
Segundo o diretor do departamento de relações internacionais e comércio exterior da Fiesp, Thomaz Zanotto, a construção do porto cubano é uma oportunidade para o Brasil melhorar a presença econômica na América Central

PLENO EMPREGO NO BRASIL. QUE DESASTRE?
Terra
Taxa de desemprego recua para o menor nível desde março de 2002
Desemprego caiu para 4,3% em dezembro, o menor nível desde março de 2002

IBGE
Desocupação foi de 4,3% em dezembro e fecha 2013 com média de 5,4%

Viomundo
Tijolaço: O Brasil vai afundar com pleno emprego

CA
Vídeo: Agências de risco repudiam pleno emprego no Brasil - Comentário de Paulo Henrique Amorim

EMPRESÁRIOS CONTINUAM FATURANDO ALTO

CHORADEIRA DE REPRESENTANTES DE SHOPPINGS NÃO CONDIZ COM REALIDADE
G1
Vendas de shoppings crescem 8,6% no país em 2013, diz associação
Mercado registrou faturamento de R$ 129,2 bilhões.
Vendas, contudo, desaceleraram em 2013; em 2012, alta foi de 9,97%.

DE OLHO NA "NOVA CLASSE MÉDIA, "SHOPPING UAI"  CRESCE NAS PERIFERIAS
Valor Econômico - 27/01/2014 - Pág. B1 (via SM)
Shopping Uai mapeia São Paulo
O ex-camelô e empresário mineiro Elias Tergilene, idealizador dos shoppings populares Uai, está preparando seu desembarque em São Paulo. A pedido do prefeito Fernando Haddad, já selecionou oito terrenos que poderão abrigar pequenos comerciantes de rua. O plano de expansão da sua rede, de quatro unidades, também inclui favelas e regiões nas periferias de Salvador e Rio de Janeiro.
O projeto também está em negociação em São Paulo. A pedido do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, o mineiro já selecionou terrenos em oito locais, entre espaços públicos e privados, e deve ir a São Paulo nesta semana para avançar nas tratativas. Segundo o empresário, Haddad gostou muito da iniciativa. "Pelo interesse que vi [nele], acho que ele [Haddad] vai ajudar sim".
Ele explicou que o prefeito de São Paulo considerou o projeto ideal para São Paulo. Ao criar oportunidades na periferia, ou na favela, evita-se que essa população se desloque para trabalhar

SAÚDE 

PADILHA NÃO PRECISAVA CANCELAR CONVÊNIO COM ONG, POIS NÃO HÁ NADA DE IRREGULAR EM SUA CONTRATAÇÃO
AMPL
Folha se desespera por Alckmin e dá vexame com "ficha falsa" sobre Padilha
Para jogar a bóia para Alckmin, a Folha soltou uma manchete venenosa para atacar Padilha. O problema é que ali tem mentiras, omissões e falta de apuração, o que só pode ser proposital para uma matéria de capa. Lembra o episódio da ficha falsa da presidente Dilma publicada pelo jornalão antes das eleições de 2010, para tentar salvar José Serra do naufráugio eleitoral.
Qual é a denúncia? Nenhuma. Uma Organização Não Governamental que existe desde 1994 teve convênios com o Ministério da Saúde desde 1999 (quando um certo José Serra era ministro), como tantas outras instituições sobre as quais nada consta contra. O pai do ministro Padilha mostrou alta integridade ao se desligar da gestão desta entidade em 2009 (ver carta abaixo), justamente porque seu filho havia assumido o cargo de Ministro das Relações Institucionais durante o governo Lula

G1
Saúde vai cancelar convênio com ONG do pai de Padilha, diz assessoria
Ministério firmou convênio com entidade da qual pai do ministro é fundador.

"MENSALÃO"

ARRECADAÇÃO DE FUNDOS PARA PAGAR MULTA IMPOSTA POR JOAQUIM BARBOSA
Folha
Site para ajudar Delúbio Soares arrecada R$ 1 milhão
O site criado para arrecadar doações e ajudar Delúbio Soares pagar a multa do mensalão arrecadou mais de R$ 1 milhão até esta quinta-feira (30). Somente nesta quinta, quase R$ 600 mil caíram na conta destinada às doações.
Os R$ 1.013.657,26 arrecadados equivalem a mais do dobro do que Delúbio precisava. Ele foi condenado a pagar multa de R$ 466.888,90. O prazo para que ele faça o depósito no Fundo Penitenciário Nacional se encerra amanhã.
Assim como aconteceu com Genoino, o excedente –ou parte dele– deverá ser doado para o próximo petista que criar um site.
O beneficiário desta doação será José Dirceu. Segundo o coordenador do setorial jurídico do PT, Marco Aurélio Carvalho, a página para receber doações para o ex-ministro já está pronta. Ela será colocada no ar assim que Dirceu foi notificado oficialmente

APAGÃO NA SEGURANÇA PÚBLICA DE SP

AFIRMAÇÃO DE JOAQUIM BARBOSA É VÁLIDA PARA SÃO PAULO, ONDE O PCC MANTÉM SEU QG NOS PRESÍDIOS DE SEGURANÇA MÁXIMA "ADMINISTRADOS" PELO GOVERNO ALCKMIN
Estadão - 30/01/2014 - Página A14
Barbosa ainda afirma que o sistema penitenciário está sob controle de PCC e Comando Vermelho

CARTAZ AVISA SOBRE RISCO DE ASSALTO
Bom Dia, SP - 31/01/2014
Moradora coloca cartaz com aviso de risco de assaltos em ponto da Zona Leste da capital

ESCOLTA PARTICULAR PARA CARTEIROS EM CAMPINAS
Fala Brasil - TV Record
Carteiros fazem entregas com escolta em Campinas (SP)

PCC ESTARIA POR TRÁS DOS INCÊNDIOS DE ÔNIBUS EM SP
Estadão - 31/01/2014
Mesmo com reforço policial, capital volta a registrar ataque a ônibus
O 33º caso de coletivo incendiado neste ano aconteceu anteontem, na zona leste de São Paulo, e até dois caminhões
foram queimados em protesto na zona norte; secretário voltou a citar envolvimento de crime organizado e criticou politização do tema

RBA
Incêndios a ônibus na zona sul estariam ligados a morte de jovem pela PM
Guilherme Augusto Gregório foi morto com cinco tiros, por volta das 2h da terça-feira (28), quando voltava da casa da ex-companheira. Secretaria de Segurança ainda averigua motivação

PMs ENVOLVIDOS NA CHACINA DE CAMPINAS
Uol
Estado admite participação de PMs em chacina em Campinas (SP)
A Polícia Civil de São Paulo admitiu, nesta quinta-feira (30), pela primeira vez que policiais militares teriam participado da chacina que matou 12 pessoas em Campinas (93 km de São Paulo). Cinco PMs foram presos quarta-feira (29) e, segundo a SSP-SP (Secretaria do Estado da Segurança Pública), mais prisões de policiais podem ser realizadas nos próximos dias. O promotor Ricardo Silvares chamou os policiais de "covardes"

ESTUPIDEZ SEM TAMANHO DA FOLHA
CartaMaior
Folha diz que violência epidêmica em SP é "aceitável" - por Luiz Flávio Gomes
É elogiável a redução dos homicídios. Mas dizer que a taxa de 10,5 assassinatos para cada 100 mil habitantes é "aceitável" é uma estupidez sem tamanho

FRENTE ANTI-COPA RACHADA

PARA DIRIGENTE DO PSTU, AÇÕES DOS BLAC BLOCS ATRAPALHAM MOBILIZAÇÕES
Viomundo
Na frente anti-Copa, o ataque do PSTU aos Black Blocs

PSTU É ACUSADO DE COMPLETA DESORIENTAÇÃO PELA CAUSA OPERÁRIA
Causa Operária
A "autodefesa" morenista
Decidido a manter-se no fantasioso mundo sem direita, PSTU novamente polemiza contra Black Blocs

FUTEBOL

VENDA DE NEYMAR SOB INVESTIGAÇÃO NA ESPANHA E NO BRASIL

FAMÍLIA NEYMAR LEVOU BOLADA DE R$ 130 MILHÕES (40 MILHÕES DE EUROS)
Estadão - 31/01/2014
Divisão do bolo: de 86,2 milhões de euros, empresa do pai de Neymar ficou com 40 milhões de euros

EMPRESAS NA MIRA DO MP
Estadão - 30/01/2014
Empresas do pai estão na mira do MP

Fox Sports
MPF começa a investigar empresa de pai de Neymar
Órgão apura se houve crime contra a ordem tributária em venda de jogador para o Barcelona

AUTORIZAÇÃO
Estadão
Luis Alvaro assinou a autorização
Presidente licenciado do Santos deu carta ao pai do craque em novembro de 2011 com permissão para ele negociar com o clube que quisesse

CORINTHIANS EM FOCO ANTES E DEPOIS DO  VEXAME

JOGADORES CORINTIANOS, SEM PREPARO FÍSICO, ANDAM EM CAMPO
[Problema constatado no segundo semestre de 2013 se acentua em 2014]
SporTV
'Olé' do Santos no Corinthians dura mais de 2 minutos e tem 34 passes
Jogadores do Peixe trocam passes e levam torcedores ao delírio na reta final da goleada por 5 a 1 sobre o maior rival na Vila Belmiro

PROTESTO SOLITÁRIO CONTRA GESTÃO GOBBI QUE SE REVELA AMADORA
G1
Torcedor faz protesto solitário contra Mário Gobbi no CT do Timão

MT - 18/01/2014 
Gestão amadora?
Realmente a gestão Mario Gobbi, que na minha visão, se iniciou em Janeiro de 2013 está de mal a pior.
Como pode um presidente cometer um erro tão primário, amador mesmo, gastar mais do que arrecada? Ou tem outra explicação para atrásos de vencimentos?

AVANÇO: GRUPO DEFENDE MUDANÇAS NAS ELEIÇÕES PARA O CONSELHO DELIBERATIVO DO CORINTHIANS E PEDE FIM DO CHAPÃO
[O Corinthians avançou na elaboração de seu estatuto social com a eleição direta para presidente do clube, desvinculando-a do conselho deliberativo. Em relação a este último, diferentemente da proposta dos integrantes do Corinthians Supremo, que é um avanço,  defendemos a proporcionalidade na eleição das chapas eventualmente inscritas, desde que obtenham um mínimo de 5% da votação na eleição. Nesta hipótese, se haviam 200 cargos cargos para conselheiros, obtendo 5%, a chapa poderia ocupar 10 cargos no conselho e, assim, aplicando-se cálculo proporcional  em relação aos demais índices obtidos pelas demais chapas]

Corinthians Supremo
Posição sobre o Conselho Deliberativo

ESPORTES

DEPENDÊNCIA QUÍMICA: IAN THORPE, EX-CAMPEÃO MUNDIAL DE NATAÇÃO, PROCURA SAIR DO FUNDO DO POÇO
JC / AFP
Nadador australiano Ian Thorpe é internado por depressão e abuso de álcool
O esportista se machucou em uma queda no início desta semana, o que levou a família a procurar ajuda médica

Blog Esporte Fino / CartaCapital
O naufrágio do ‘Thorpedo’ - por Mayra Siqueira
Alcoolismo, depressão e pensamentos sombrios de suicídio se escondiam por trás do constante sorriso que Ian Thorpe apresentava em público. O maior nadador australiano de todos os tempos encara o que muitos ex-atletas – e mesmo atletas ainda em atividade – enfrentam, quase sempre em silêncio

31/1 - BLOG DO MELLO de 30/1

BLOG DO MELLO



Posted: 30 Jan 2014 04:41 PM PST



Todos criticamos a Secom, o governo Dilma, quando distribui verba de publicidade para a mídia corporativa que a ataca sem parar (ou até, no caso do exótico Mercadante, compra no apagar das luzes uma porcaria da Abril).

Mas isso não basta. Também temos o que fazer. Principalmente você, cliente Itaú. Se você apoia este governo, retire todo seu dinheiro do Itaú e o transfira para o Banco do Brasil ou a Caixa.

Se já não bastassem os lucros exorbitantes, acintosos. Se já não bastassem as milhares de demissões. Não satisfeito em ter o maior lucro da história financeira do país, o Itaú, por intermédio de seu economista chefe, Ilan Goldfajn, foi a Davos falar mal do Brasil.

Enquanto a presidenta Dilma incentivava investidores estrangeiros a virem para o Brasil, Ilan Goldfajn disse que nosso país não tem uma economia estável nem sustentável.

OK, vamos deixar de sustentá-los e ver como eles ficarão estáveis...

Tire seu dinheiro do Itaú, o banco que fala mal do Brasil no exterior e aqui apoia a Rede da Marina Silva.

Corra para o BB ou então vem pra Caixa você também, vem.

Madame Flaubert, de Antonio Mello

Posted: 30 Jan 2014 03:37 PM PST

31/1 - O ROLEZINHO DO COLCHÃO NO FUSCA

FONTE:http://blogdomello.blogspot.com.br/2014/01/video-mostra-que-colchao-em-chamas-foi.html


QUINTA-FEIRA, 30 DE JANEIRO DE 2014

Vídeo mostra que colchão em chamas foi jogado em cima do fusca, ao contrário dos que acusam o 'irresponsável' serralheiro




As imagens acima mostram CLARAMENTE que não foi o fusca que se jogou em cima do colchão em chamas, mas um escroto irresponsável que empurrou o colchão em chamas sobre um fusca com cinco pessoas dentro, uma delas uma criança, que jamais se esquecerá desse acontecimento na vida de suas retinas ainda tão pouco fatigadas.

Quem acha que um ato torpe destes é uma manifestação legítima contra a Copa deve entrar no fusca e dar um rolezinho com um cobertor em chamas.


Madame Flaubert, de Antonio Mello

31/1 - Os Amigos do Presidente Lula de 30/1

Os Amigos do Presidente Lula



Posted: 30 Jan 2014 04:57 PM PST

O presidente Lula gravou um vídeo falando sobre a internet e as redes sociais.

Ele comparou a liberdade da rede às estradas, onde todo mundo é livre para ir e vir, mas se fizer lambança no trânsito pode matar pessoas. E na internet também pessoas e todo um povo pode ser prejudicado quando a ferramenta é usada para o mal (ele não citou, mas eu lembro que adolescentes já se mataram pela maldade de expô-las em cenas íntimas, ou pior, sendo estupradas).

Perguntado sobre que mensagem daria aos internautas que acompanham sua página, Lula disse que para não serem a favor sem saber, nem contra sem saber. O caminho é se informar, buscando a verdade para dar sua opinião (sem virar pombo correio manipulado de interesses escusos).

Ele convoca todos a ajudar no enriquecimento do debate, seja com apoio no que acham certo, seja com críticas honestas no que acham errado, para que o Brasil avance ainda mais. E lembra que na área de internet ainda há muitos desafios, como levar computador e banda larga a toda população e garantir um acesso igual à informação.
Posted: 30 Jan 2014 04:26 PM PST

Folha dá vexame com "denúncia" falsa contra Padilha. Tentativa de ofuscar a notícia do lançamento da campanha de vacinação contra o HPV.
Bateu desespero no jornal Folha de São Paulo com projeções qualitativas que apontam para uma derrota de Geraldo Alckmin (PSDB-SP) e vitória de Alexandre Padilha (PT-SP) nas próximas eleições para governador de São Paulo.

Para jogar a bóia para Alckmin, a Folha soltou uma manchete venenosa para atacar Padilha. O problema é que ali tem mentiras, omissões e falta de apuração, o que só pode ser proposital para uma matéria de capa. Lembra o episódio da ficha falsa da presidente Dilma publicada pelo jornalão antes das eleições de 2010, para tentar salvar José Serra do naufráugio eleitoral.

Qual é a denúncia? Nenhuma. Uma Organização Não Governamental que existe desde 1994 teve convênios com o Ministério da Saúde desde 1999 (quando um certo José Serra era ministro), como tantas outras instituições sobre as quais nada consta contra. O pai do ministro Padilha mostrou alta integridade ao se desligar da gestão desta entidade em 2009 (ver carta abaixo), justamente porque seu filho havia assumido o cargo de Ministro das Relações Institucionais durante o governo Lula.

Em vez de atacar, deveria é aplaudir o pai do ministro, Anivaldo Pereira Padilha, pela atitude zelosa tomada em 2009, quando seu filho nem vislumbrava ser ministro da Saúde e muito menos pré-candidato a governador.

O motivo da Folha dar esse vexame, na verdade, é eleitoral e financeiro, meramente para desgastar a imagem de Padilha, favorecendo o "amado" Geraldo Alckmin que, inclusive, é "bom cliente", sendo o maior assinante do jornal (com dinheiro público).

Observe que a "reporcagem" da Folha saiu hoje (30) para tentar ofuscar o lançamento que Padilha fez da campanha de vacinação contra o HPV, para prevenir câncer no colo do útero.

Padilha sairá do ministério como um dos melhores ministros da Saúde que o Brasil já teve, com um trabalho vibrante que deu resultados, cheio de entusiasmo para levar esse trabalho e novas realizações para o Estado de São Paulo. Enquanto a imagem de Alckmin hoje é de alguém sem gás, sem capacidade para lidar com os graves problemas de segurança pública, com políticas antiquadas, viciadas e que só sabe criminalizar movimentos sociais e pobres, enquanto abafa escândalos de corrupção em seu governo, engavetando dezenas de CPI's importantes e protegendo amigos propineiros enrolados até o pescoço no propinão tucano nos trens (ou trensalão, se preferirem).

Abaixo a nota de esclarecimento do Ministério da Saúde:

#EsclareceMS | Nota à imprensa sobre matéria da Folha de SP do dia 30.01.2014
Publicado: 30 Janeiro 2014

O Ministério da Saúde informa que desde 1999 a Organização Não Governamental (ONG) Koinonia desenvolve projetos determinados pela pasta em editais públicos. Desde 2011, a ONG participou de pelo menos quatro seleções de projetos do Ministério, sendo desclassificada em dois deles.

Em 2011, a entidade assinou Termo de Cooperação dentro de edital para eventos, para a promoção do Seminário “Fortalecendo laços: Seminário Regional Inter-Religioso de incentivo ao diagnóstico precoce ao HIV”, no valor de R$ 60 mil, realizado nos dias 29 e 30 de outubro de 2011.

Em 2012, a Koinonia submeteu proposta para a realização de projeto “Reafirmando os direitos das pessoas que vivem com HIV Aids nas comunidades religiosas” no valor de R$ 60 mil. No ano seguinte, 2013, a ONG encaminhou novo projeto para a promoção do “II Seminário Regional Inter-Religioso de incentivo ao diagnóstico precoce ao HIV”, com custo previsto em R$ 70 mil. No entanto, a Organização não venceu nenhuma dessas duas seleções.

Ainda em 2013, a ONG submeteu projeto atendendo a publicação de edital no Diário Oficial da União. A proposta deu origem ao convênio 796812/2013, firmado em dezembro do ano passado, no valor de até R$ 199,8 mil. A aprovação dos projetos acima mencionados só foi possível após a comprovação de capacidade técnica da entidade em atender exigências e requisitos estabelecidos nos editais e nos processos de seleção.

Segundo informações prestadas pela Koinonia, a entidade é uma instituição sem fins lucrativos e conta com 20 anos de experiência nas áreas de saúde, combate ao racismo, direitos civis e humanos e liberdades religiosas. Tem entre seus fundadores o sociólogo Herbert de Souza, o Betinho, o escritor Rubem Alves e o educador Carlos Brandão.

Ainda de acordo com documentação da entidade, durante esses 20 anos, a Koinonia firmou convênios, parcerias e contratos de cooperação com organismos internacionais - Escritório das Nações Unidas contra Drogas e Crime (UNODC), União Europeia, Ford Foundation (EUA), Christian Aid (Reino Unido), Church World Service (EUA), Conselho Mundial de Igrejas (Suiça), Igreja Unida do Canadá, Igreja Anglicana do Canadá, ACT Alliance, Igreja da Suécia, Canadian Foodgrains Bank, Norwegian Church Aid, entre outros.

A Koinonia informou que o senhor Anivaldo Padilha é associado da entidade e exerceu a função de Secretário de Planejamento e Cooperação entre 01 de janeiro de 2007 e 25 de setembro de 2009. Ocasião em que - por carta à entidade – solicitou afastamento das funções tendo em vista que o ministro Alexandre Padilha assumiria a Secretaria de Relações Institucionais (SRI), com o objetivo de cumprir o que determina a legislação e evitar conflito de interesse com o Poder Público.

Por fim, é importante esclarecer que o processo de análise das propostas de convênios encaminhadas e aprovadas pelo Ministério da Saúde segue sempre a mesma forma: após cadastrada, ela é analisada pela área técnica responsável quanto ao mérito e, posteriormente, pelo Fundo Nacional de Saúde (FNS) quanto aos aspectos técnico-econômico.

Assessoria de Comunicação do Ministério da Saúde



Abaixo a carta do pai de Padilha se desligando da gestão da entidade em setembro de 2009:


Quem tiver curiosidade sobre as atividades da Koinonia, onde fala no trabalho ecumênico para a tolerância religiosa e contra o racismo, com prevenção à violência, saúde e drogas, o site é este http://www.koinonia.org.br
Posted: 30 Jan 2014 10:17 AM PST

O governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral (PMDB) atravessa uma fase que é um verdadeiro inferno astral. Em curto espaço de tempo sua popularidade despencou. Foi o governador mais desgastado pelas manifestações de rua. Denúncias de tortura e execuções pipocaram em uma das vitrines de seu governo, as  Unidades de Polícia Pacificadora (UPP). O Partido dos Trabalhadores deixou as duas secretarias em seu governo e vai cuidar da candidatura própria ao Palácio Guanabara do senador Lindbergh Farias.

Mas os problemas não param por aí. Quando parecia que teria o apoio do partido Solidariedade para comemorar, o deputado federal Áureo Lídio (SDD-RJ) deu uma entrevista ao jornal carioca Extra que estragou tudo, virando um escândalo que foi parar no Ministério Público Eleitoral.

Lídio disse que o anúncio de uma UPP para a cidade de Duque de Caxias foi exigência do partido em troca do apoio ao vice-governador Luiz Fernando Pezão nas eleições de outubro. E no pacote oferecido pelo PMDB fluminense incluiria também doações da construtora Odebrecht para a campanha do Solidariedade.

O grupo da construtora, além de fazer obras, tem o controle da Supervia, empresa concessionária de trens urbanos que vem sendo muito criticada pelos usuários. Na quarta-feira (22), um descarrilamento paralisou os trens e causou o caos no transporte público, prejudicando 600 mil pessoas.

O procurador regional eleitoral do Rio, Paulo Bérenger, abiu um procedimento investigativo para "detalhar a denúncia" sobre o acordo entre os partidos. A questão é esclarecer se a política de segurança pública virou barganha política e se o governo do Rio estaria exercendo influência sobre uma empreiteira fornecedora do estado para cooptar apoios.

O deputado federal Alessandro Molon (PT) cobrou investigação. Considerou as denúncias graves e que desequilibram a disputa eleitoral. O deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL) também questionou na Assembléia Legislativa.

O Palácio Guanabara negou que a conversa com o Solidariedade tenha tratado de UPPs ou do financiamento pela Odebrecht. Mas o presidente do partido, Paulinho da Força, confirmou a negociação da UPP durante entrevista a uma rádio, negando apenas o acordo para financeiro.

A confusão produziu outra baixa. O deputado estadual Pedro Fernandes (SDD) assumiria a Secretaria estadual de Assistência Social e Direitos Humanos. Desistiu. Declarou que esperará os fatos serem esclarecidos.

Quando nada parece dar certo, até acidentes não ajudam. Um caminhão basculante teve sua caçamba levantada indevidamente, batendo e derrubando uma passarela de pedestres sobre a Linha Amarela na terça-feira (28). A estrutura caiu sobre veículos de trafegavam matando quatro pessoas e ferindo cinco. Apesar de ser uma fatalidade, a via é municipal e gerou desgaste ao prefeito Eduardo Paes, correligionário do governador.
Posted: 30 Jan 2014 07:24 AM PST

Além de Marcos Paulino, subprocurador participa de debate em restaurante fino de São Paulo sobre candidatura do PSDB. Um dos coordenadores será ex-secretário suspeito de comandar caixa dois

Dois tucanos se destacavam na reunião realizada por caciques do PSDB na última terça-feira (28) no restaurante Ici, em Higienópolis, um dos mais caros de São Paulo. Um, Marcos Paulino, presidente do Datafolha. O outro, o subprocurador-geral estadual de Justiça  Arnaldo Hossepian – convenhamos que há um trensalão de motivos para tornar inconveniente a aproximação excessiva com o tucanato paulista neste momento....Leia mais aqui