Ministros da 2ª Turma do STF são os prováveis candidatos
Foto: EBC
Foto: EBC
A presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Cármen Lúcia, deve fazer um sorteio entre juízes da 2ª Turma da Corte para definir o novo relator da Operação Lava Jato. A informação é do jornal Folha de S. Paulo. Fazem parte do grupo os ministros Gilmar Mendes, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e Celso de Mello.
Nessa segunda-feira, as delações premiadas dos 77 executivos e ex-executivos da Odebrecht foram homologadas. O novo relator é quem decidirá se os depoimentos serão feitos sob sigilo ou não.
Ainda segundo o jornal, o ministro Edson Fachin pode mudar da primeira para a segunda turma do STF para completar o grupo, caso os quatro ministros mais antigos do tribunal não queiram, Marco Aurélio Mello, Luiz Fux, Luís Roberto Barroso e Rosa Weber.
O ministro que for sorteado vai assumir apenas os casos de Teori relacionados à Lava Jato. Os demais processos que estavam sob comando do juiz serão destinadas ao novo ministro do STF, a ser indicado pelo presidente Michel Temer.
Cármen Lúcia se reuniu com o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que já recebeu os termos da homologação da empreiteira e, a partir agora, pode usar o material nas investigações da Lava Jato.
Link curto: http://brasileiros.com.br/NRyh3
Tags: